A ilha oferece programações variadas. Tem para todos os gostos e bolsos, mas tudo é pago, a não ser que você queira parar em uma praia, deixar suas coisas na areia e ficar sem proteção em um sol escaldante.

Na maioria delas você encontra pessoas alugando barraquinhas com cadeiras e espreguiçadeiras. A média cobrada é de 30.000 pesos colombianos (cerca de R$ 40,00).

Fiquei sabendo através de um instrutor de mergulho que a agência que vende passeios mais baratos é a On Vacation, mas já estávamos indo embora e acabei nem passando lá para comparar os preços.

Gostei muito da agência Sun Island Tours, foi onde aluguei a mule (tipo um carrinho tipo de golf, porém um pouco mais veloz). A Pilar (+57 318 759-3375) nos atendeu e além de super simpática – e paciente com o portunhol arranhado – nos deu várias dicas preciosas! 🙂

De tudo que fiz por lá selecionei os passeios que não podem ficar de fora:

Alugar uma lancha

Esse é o top da lista! Custa em torno de 900.000 pesos colombianos para 6 pessoas.

O passeio dura o dia todo e para em lugares incríveis – sem milhares de turistas – para fotos e mergulhos inesquecíveis! Fechamos com o Ali (+57 317 575-2484), mas é possível alugar diretamente na Marina Tonino’s que é da onde saem os barcos e também com outras agências de Turismo.

Conto em detalhes nosso dia incrível na lancha aqui.

lancha

Volta na ilha

É possível fazer esse passeio de mule (140.000 pesos colombianos), com carrinho de golf (um pouco mais barato e mais lento), buggy ou scooter.

Recomendo fazer logo nos primeiros dias para poder explorar bastante a região, escolher os locais preferidos e caso tenha tempo voltar neles.

Falo sobre todos os detalhes e sugestões de paradas aqui.

mule-2

West View

É uma das paradas obrigatórias quando se faz o passeio de Volta na Ilha. A entrada custa 4.000 pesos colombianos (R$ 5,00 em média) por pessoa e oferecem pedaços de pão para alimentar os peixes.

O lugar é perfeito! Gostei tanto que, como estava com tempo sobrando no final da viagem, acabei visitando novamente.

No primeiro dia que fui não estava muito cheio e deu para curtir bem! Já na segunda vez, fui em um final de semana (pro meu azar ainda era feriado) e além dos turistas tinha também grupos dos locais, estava bem cheio. Então a dica de ouro é: se quiser fugir de muvuca vá durante a semana.

Os peixes são bem amistosos, quase chegam a bater na máscara e não se intimidam com a presença humana. Comeram na minha mão e parece até que vinham pedi mais depois. É possível ver algumas espécies bem interessantes.

Para se chegar ao mar existem alguns acessos: escadas, tobogã ou trampolim. Para quem gosta de aventuras e altura o trampolim é diversão garantida. Pros mais medrosos como eu o tobogã dá bem pro gasto!

Como lá tem uma área maior de flutuação comparado com La Piscinita, dá pra você fugir da parte mais cheia – que fica perto dos acessos ao mar – e curtir aquele mar incrível! Fiquei horas flutuando!

Para quem não consegue flutuar para fazer o snorkel ou não sabe nadar eles alugam coletes (5.000 pesos colombianos). É uma ótima opção para não cansar tanto.

Também possuem um quiosque com comidas e bebidas.

West Viwe

Mergulho com cilindro

Mais conhecido como buceo na região é uma experiência incrível e recomendo até para quem nunca fez o passeio.

Estava acostumada a fazer o mergulho no Brasil e achei que fosse ser parecido, mas a visibilidade da água, bem como as espécies diferentes encontradas na barreira de corais faz o conjunto se tornar ainda mais sensacional!

O custo médio é de 150.000 pesos colombianos por pessoa e a agência que contratei ofereceu duas opções de ponto de mergulho: o museu marítimo e a barreira de corais.

Quer saber em detalhes como foi esse passeio incrível? Conto tudo aqui.

2016-08-24 21.58.36

Acuário e Haynes Cay

El Acuário é uma ilhota excelente para se fazer snorkel. Como o próprio nome diz, é bem pequenininha e só é possível chegar de barco. Aproveitamos o aluguel da lancha e paramos por lá.

Fomos próximo ao horário do almoço e estava tranquilo. Passamos novamente próximo às 16h e estava bem cheio por conta do passeio das arraias (matarrayas).

Lá não tem infraestrutura alguma, só alguns ambulantes vendendo objetos (tipo capinha à prova d’água) e algumas bebidas. Não tem sombra nem qualquer tipo de cobertura, então a dica é levar um bom protetor solar, chapéu e acessórios para se proteger do sol.

O passeio para o Acuário custa em torno de 15.000 pesos colombianos e pode ser combinado com o das mantarrayas (como tenho medo optei por não fazer este). Geralmente dão um desconto quando fecham os dois juntos (de 20.000 a 25.000 pesos colombianos).

2016-08-12 19.12.13

Depois de praticar snorkel no Acuário vale a pena ir para a ilhota vizinha (Haynes Cay) que é excelente para recarregar as energias à sombra e de quebra comer uma comida fresquinha e deliciosa!

A travessia pode ser feita pelo mar mesmo – a água bate na altura da cintura. Haynes Cay tem alguns bons restaurantes como o Bibi’s Place e o Elda, onde é possível se esconder um pouco do sol, relaxar em mesas e bancos comunitários, comer uma ótima comida de excelente custo benefício e ainda apreciar uma vista de tirar o fôlego!

A água além de ter cores espetaculares é bem rasa e super quentinha. Só não esqueça as sapatilhas, pois é cheia de pedras e corais.

2016-08-12 14.09.42

La Piscinita

Custa 4.000 pesos por pessoa e tem direito à pedaços de pão para alimentar os peixes.

A área para snorkel e o local em si é menor que West View. A infra-estrutura deixa a desejar, mas a vantagem é ser mais vazio e ter uma maior variedade de peixes.

La Piscinita

Coco Plum

Lugar paradisíaco de mar calmo com água morna e cristalina. Excelente pedida para passar o dia todo curtindo a paisagem sem se estressar com lugares superlotados.

O percurso da praia até a ilha se faz tranquilamente a pé, com a água no máximo até o ombro.A ilha em si não tem nada de muito interessante. Tem uma barraquinha fechada e uma vista bonita para um navio naufragado. É bom ir de sapatilha para evitar acidentes cortando os pés!

Recomendo dois lugares nessa praia. Caso prefira algo mais em conta há também estruturas com guarda-sol e cadeiras que são alugadas na areia.

Aqua Beach Club

(mínimo de consumo 20.000 pesos colombianos, mas isso é moleza!).

Sem dúvidas o melhor lugar para se ficar em Rocky Cay!

Um ambiente amplo, cheio de tendas com mesas, cadeiras e espreguiçadeiras, ótimo atendimento e excelente comida!

Uma amiga indicou para passar o dia e é realmente muito bom. Além de confortável, tem banheiros, é seguro (você pode tranquilamente deixar suas coisas na mesa e curtir a praia ou fazer a travessia para a ilha que fica bem na frente). Falo sobre as maravilhas gastronômicas desse lugar nesse post.

Estrutura do restaurante

Day use no Decameron Casa de Playa

A entrada custa 45.000 pesos colombianos por pessoa e dá direito à desfrutar da estrutura do local, com tendas, espreguiçadeiras e cadeiras, além de bebida liberada (água, refrigerante, cerveja e coquetéis) e duas refeições (almoço e lanche da tarde com cachorro quente e hambúrguer).

Não achei que valeu muito a pena, mas para quem é fã de uma cachacinha (e se tiver com tempo sobrando) é um bom negócio.

Aí você me pergunta: mas Carol, porque você não gostou? Bom, primeiro por que a expectativa estava bem alta. Um lugar gostoso, numa praia fantástica (já disse que Rocky Cay é uma das melhores de San Andrés), com open baropen food parece música para os ouvidos. MAS (sempre tem um mas) as bebidas (obviamente) são colombianas e nem todos os drinques são bons. A comida achei bem fraquinha, no sistema self service e poderia comer à vontade, mas achei a qualidade tanto dela quanto das bebias bem questionável.

O segundo ponto é que esse local é uma extensão dos hotéis da rede Decameron. Não informam por telefone a disponibilidade, então você pode chegar lá e não ter vaga para o day use, que funciona das 12h às 17h.

Chegamos bem cedo, às 8h30 da manhã, mas somente às 10h confirmaram que poderiam nos receber (sim, esperamos tudo isso por conta dos comentários maravilhosos que havíamos escutado sobre o local).

Não posso dizer que me arrependi da escolha, mas hoje optaria por outro passeio ao invés de ficar o dia todo por ali.

La Piscinita

Chegamos a pesquisar sobre outros passeios, mas optamos por não fazer alguns deles. A Pilar nos passou a lista com valores, horários, duração e uma pequena descrição:

  • PARASAIL

Valor: 160.000 pesos

Descrição: voo rebocado com um paraquedas especial parecido com um parapente.

Horários: 9, 11, 14 ou 16h.

Duração do passeio: 2 horas (15 minutos no ar).

  • 7 COLORES

Valor: 70.000 pesos

Descrição: passeio de vela ou jet-ski.

Horários: 9, 11 ou 15h.

Duração do passeio: 2 horas.

  • ACUÁRIO + MANTARRAYAS

Valor: 30.000 pesos

Descrição: travessia de barco até o Acuário (snorkel) e no final da tarde interação com arraias. Tem uma ilha que fica ao lado chamada Hayness Cay. Ótima opção para descansar do sol e fazer uma boa refeição.

Horários: saídas a cada 20 minutos a partir das 9:30h.

Duração do passeio: até às 16:30h.

  • JHONNY CAY

Valor: 15.000 pesos

Descrição: festa no barco com buffet de comida e bebida à vontade.

Horários: saídas a cada 20 minutos a partir das 9:30h.

Duração do passeio: até às 16:30h.

  • LA NOCHE BLANCA

Valor: 90.000 pesos

Descrição: festa no barco com buffet de comida e bebida à vontade.

Horário: 19:30h

Duração do passeio: 3 horas.

  • RUMBA

Valor: 40.000 pesos

Descrição: festa no barco com bebida à vontade.

Horário_ 21:30h.

Duração do passeio: 4 horas.

  • AQUANAUTAS

Valor: 90.000 pesos

Descrição: mergulho de 6 metros de profundidade com capacetes de oxigênio em West View.

Horários: variados.

Duração do passeio: 25 minutos.

* Tabela de valores da Sun Island Tour em agosto/2016.